Janelas Abertas

Esta metodologia desenvolvida pela Bridge baseia-se no uso de estimulações artísticas como ferramentas para a construção de diagnósticos sociais e até comportamentais. Desde dinâmicas de construção e análise de significados por meio de obras de arte, até a representação gráfica de um território partindo das características geográficas locais, de vegetação e relevo, bem como de algumas estruturas mais marcantes da região analisada. O Janelas Abertas, apoiado por elementos artísticos, possibilita pensar e reconhecer as características do território e das pessoas à luz da percepção dos próprios envolvidos na atividade. A partir de sua aplicação, é possível que o público tenha uma perspectiva “de cima” e “de dentro” para enxergar as próprias peculiaridades, o território onde habita, a organização dos espaços, as relações, a cultura local, trocando impressões e criando uma ideia mais consistente sobre si mesmos.